25.08.07

O lume-mafalda veiga

 

Sinto-me presa.A minha casa asfixia-me.Saio.Vou por ai.apanho camionetas e metros.Vejo caras e masco pastilhas até doer o maxilar.E choro,porque há batalhas que nunca têm fim.

[a liberdade e a indepêndencia estão para lá daquela porta?E a paz...]

publicado por hanna às 01:19

Continuando a derreter o gelo...
mais sobre mim
Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13

19
22



arquivos
2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
blogs SAPO